Blog

Coronavírus: como manter o condomínio seguro contra os golpes de falsas visitas de profissionais de saúde

02/06/2020

Coronavírus: como manter o condomínio seguro contra os golpes de falsas visitas de profissionais de saúde

Aproveitando-se do momento de preocupação ocasionado pela pandemia do coronavírus, golpistas aderiram a uma nova modalidade de invasão de condomínios. O golpe consiste em anunciarem-se como profissionais de saúde, cuja abordagem geralmente é iniciada pela portaria, onde informam que precisam entrar no condomínio pois receberam uma denúncia ou um pedido de socorro.

Às vezes, além de se passarem por profissionais da saúde, os criminosos ainda se dizem fiscais de órgãos públicos (Secretaria ou Ministério da Saúde, Vigilância Sanitária), funcionários de laboratórios ou hospitais, técnicos de empresas de telecomunicação, água ou luz, oficiais de justiça etc, utilizando o pretexto de visita técnica, realização de testes ou aplicação de vacinas. E, uma vez dentro do condomínio, fica mais fácil de acessar os apartamentos e fazer os moradores de vítima. Por isso, além dos cuidados com a higiene, também é necessário ficar atento a golpes.

A Securi, empresa de segurança e tecnologia de Santa Maria, por meio do seu serviço de portaria remota preza pela segurança dos condomínios, não permitindo que ninguém acesse as dependências do prédio sem a prévia autorização do morador ou do síndico. O fluxo de entrada de saída de visitantes é conduzido de maneira rígida, o que intimida a ação dos criminosos e assegura o bem-estar dos moradores. Fique alerta e previna-se contra golpes. Priorize a sua segurança, da sua família e de seus vizinhos!


Gostou do Post? Compartilhe agora mesmo.

Ao continuar navegando em nosso site, você concorda com a nossa Política de Privacidade e com os nossos Termos de Serviço

Ir para o topo